ATORES QUE SOFRERAM GRANDES MUDANÇAS PARA FILMES

E aí galera, tudo bem com vocês?

Charlize Theron em Monster

Charlize Theron

Esse drama norte-americano do ano de 2003 contou a atuação de Charlize em alto nível, além de toda a inspiração, ela ainda raspou as sobrancelhas e engordou 13 kg. Após todo esse esforço a atriz recebeu 17 prêmios individuais, entre eles o OSCAR DE MELHOR ATRIZ e o GLOBO DE OURO DE MELHOR ATRIZ.

Com certeza esse é um ótimo filme, baseado em fatos ele ainda possuí 81% no Rotten Tomatoes. Vale muito a pena conferir.

 

TAO horizontal

 

Jared Leto em Capitulo 27

Jared Leto

Esse filme independente do Canadá, não foi muito bem com a crítica, mas independente disso, Jared Leto engordou 28 kg para viver o assassino de John Lennon.

O filme conta os três dias de Mark David Chapman antes de assassinar o grande John Lennon. Vale a pena assistir o filme pela história, porém não é tão bem avaliado no Rotten Tomatoes possuindo 19% de aprovação.

 

Tom Hanks em O Naufrago

Tom Hanks

Nesse memorável filme de drama, Tom Hanks emagreceu 22 kg para interpretar o sobrevivente do acidente aéreo. Fica bem claro tal mudança para quem assistiu o filme, suas feições mudaram drasticamente entre o inicio e o meio da produção. Por sua atuação ele recebeu indicações para o OSCAR DE MELHOR ATOR e GLOBO DE OURO DE MELHOR ATOR DE DRAMA, além de possuir uma classificação no Rotten Tomatoes de 90% de aprovação.

Se ainda existe alguém que não assistiu esse clássico atemporal, indico com toda a certeza.

 

TOP Sport

 

Christian Bale em O Operário

christian-bale

Esse ótimo filme de suspense contou com Christian Bale em seu papel principal. Para dar vida ao seu personagem que sofre de insônia, precisou perder incríveis 28 kg. Apenas como complemento apenas alguns meses depois, já havia recuperado o seu peso e adquirido a forma física para viver o personagem principal em Batman Begins. A produção possuí ótima avaliação no Rotten Tomatoes de 77% de aprovação.

Ele é um bom filme, mas possuí um ritmo lento, dessa forma nem todos vão se agradar.

 

Robert de Niro em Touro Indomável

robert-de-niro

Esse clássico de De Niro e Martin Scorsese conta a história de Jake LaMotta, que apresentou duas transformações impressionantes do ator. No inicio da história treinou e ganhou massa muscular para viver um lutador de boxe e na sequência ganhou 27 kg e um aspecto bem descuidado. Por essa atuação De Niro recebeu o OSCAR DE MELHOR ATOR e suas classificação no Rotten Tomatoes são absurdos 95% de aprovação.

O que dizer desse filme? Martin Scorsese e Robert De Niro num filme de boxe, só pode ser indicação de alta qualidade.

Já assistiram esses filmes? Faltam alguns na lista?

Anúncios

OS IRMÃOS WAYANS

E aí galera, tudo bem com vocês?

Irmaos Wayans

A família é muito grande e talentosa, por isso citarei apenas os quatro mais famosos. Começando por Shawn e Marlon que com maior frequência aparecem juntos em grandes produções.

Shawn e Marlon

Shawn Mathis Wayans (47 anos) e Marlon Lawrence Wayans (46 anos), são parceiros inseparáveis e os que mais aparecem juntos atuando. As Branquelas, foi roteirizado por eles e dirigido pelo irmão mais velho (Keenen Ivory Wayans de quem falarei na sequência). Outra produção de destaque foi a franquia Todo Mundo em Pânico e suas sátiras de diversos sucessos dos anos 90 foram essenciais para seu sucesso. Ainda falando de Marlon ele participou do excelente Réquiem para um Sonho de Darren Aronofsky.

Damon

Damon Kyle Wayans (58 anos) é o famoso Michael Kyle do nostálgico Eu, a Patroa e as Crianças. Além de ator atua como roteirista e diretor. Sua aparição mais recente na televisão é em Máquina Mortífera (2016).

Keenen-Ivory-Wayans

Kennen Yvory Wayans (60 anos) é responsável por criar a premiada série In Living Color de 1994. Com Damon, Shawn e Marlon Wayans no elenco, foi responsável também por lançar ao estrelato Jim Carrey. Contou também com participações de Jennifer Lopez e Chris Rock. Como seus maiores destaques com diretor, estão Todo Mundo em Pânico 1, 2 As Branquelas. 

Além deles, ainda existem outros seis irmãos e três possuem carreira no cinema e televisão.

 

Sabiam dessas histórias? Conhecem outras famílias famosas na sétima arte?

 

MEUS MELHORES DESENHOS DOS ANOS 90 NO SBT

E ai galera, tudo bem com vocês?

Nessa lista vou fazer a lista dos desenhos que mais assistia nos anos 90 no SBT, provavelmente não são os melhores e nem os politicamente mais corretos, mas naquele tempo eram muito bons.

 

O Fantástico Mundo de Bobby

fantastico-mundo-de-bob

O desenho acompanha a vida de um menino de 4 anos, que possuí uma imaginação muito ativa. Suas histórias envolvem sua família, composta pelo seu pai Howard, sua mãe Martha e seus dois irmãos, Derek e Kelly, além do seu tio Ted que parecia ser o seu melhor amigo.

Curiosidades

Sua produção foi da Fox Kids juntamente com o cartunista Howie Mandel.

Howie Mandel é ainda o dublador de Bobby e do seu pai Howard.

Emissoras no Brasil: SBT, Cartoon Network e Fox Kids

Transmissão Original: de 8 de setembro de 1990 a 23 de fevereiro de 1998

Temporadas: 7 dividas em 80 episódios

Doug

doug

O desenho é focado na vida de um adolescente com imaginação muito fértil que está passando por diversas mudanças, junto dele estão seus amigos Skeeter e seu cachorro Costelinha, além da menina dos seus sonhos Patti Mayonnaise e do Valentão da Escola Roger. O desenho é sempre contado em forma de história, enquanto Doug está escrevendo em seu diário.

Curiosidades

Os super heróis do desenho são O Capitão Codorna, O Cãodorna, além do Mosquito Prateado.

Existe uma banda famosa no desenho, Os Beets que são uma sátira de uma junção entre os Beatles, Ramones, Rolling Stones e Smashing Pumpkins.

Transmissão original: Nickelodeon (1991–1994) – ABC (1996–1999) No Brasil, foi transmitida inicialmente pela TV Cultura e após no SBT.

O desenho teve dois períodos distintos, um produzido pela Nickelodeon de quatro anos e na Disney outros três anos.

Jim Jinkins o criador do desenho, foi fundamental na formação do canal Nickelodeon. Enquanto trabalhava na Warner, ele foi um dos que viu a oportunidade de se criar um canal de conteúdo exclusivo para o público infantil.

Dennis, O pimentinha

dennis-o-pimentinha

A história do desenho é focada na vida do pequeno Dennis que possuí uma carinha de anjo, mas está sempre aprontando uma. Seu principal alvo, Sr. Wilson um senhor velho e rabugento que está sempre contra as brincadeiras e confusões do menino. Ainda participam das aventuras o seu cachorro Ruffus, e seus amigos inseparáveis Juca, Cícero, Gina, Margarete, Tommy, Peebee e Jay.

Curiosidades

Possuí setenta e oito episódios em duas temporadas.

Transmissão original: de 1986 até 1988

Produzido pela DIC Entertainment, baseada nas histórias em quadrinhos de Hank Ketcham.

Sua dublagem no brasil ficou por conta da famosa Herbert Richers.

 

Tom & Jerry

tom e jerry

O desenho conta o cotidiano da tradicional vida de um gato e um rato dentro de uma casa. Normalmente Tom é mais afoito(e menos inteligente) e nunca consegue pegar Jerry o astuto e sortudo ratinho.

Curiosidades

O desenho iniciou em um período em que os cinemas transmitiam curta metragens antes das atrações principais.

Possuí grandes fases distintas:

Hanna-Barbera (1940-1958)

Gene Deitch (1960-1962)

Chuck Jones (1963-1967)

Hanna-Barbera: The Tom and Jerry Show (1975–1977)

Filmation (1980-1982)

Hanna-Barbera: Tom and Jerry Kids (1990–1994)

Warner Bros. (2006-2008)

Warner Bros. (2014-atualmente)

Ganhou sete vezes o Oscar de melhor curta de animação no período de Hanna-Barbera.

Possuí 162 episódios ao longo da história.

Foi produzida pela MGM e alguns casos utilizou Tom no lugar do lendário leão em sua abertura.

 

Pica-Pau

pica pau

O desenho possuí algumas fases distintas, mas as duas mais características, sendo a primeira em que ele é muito louco e a clássica em que ele aparece na foto acima.

De um modo geral, ele é um personagem que acaba por se aproveitar de situações e de outros personagens e normalmente acaba por se dar bem no final de cada episódio. Dentro do seu show ainda apareceram outros personagens que receberam destaque, como Zé Jacaré, Zeca Urubu, Pé de Pano, Picolino, Meany Ranheta e Leôncio.

Curiosidades

Possuí 6 temporadas entre os anos de 1941 até 1972 com 196 episódios.

Foi o primeiro desenho animado a ser exibido na TV brasileira, na extinta TV Tupi, um dia após a sua inauguração, no dia 19 de setembro de 1950.

Inicialmente dublado nos Estados Unidos, por Mel Blanc, que também fez as vozes de quase todos os personagens do sexo masculino das séries Looney Tunes e Merrie Melodies. Como dublador do Pica-Pau, Blanc foi sucedido por Bem Hardaway e mais tarde por Grace Stafford, esposa de Walter lantz, criador do personagem.

O Pica-Pau é um dos poucos personagens de desenho animado que possui uma estrela na Calçada da Fama.

A clássica e inconfundível risada de Pica-Pau, foi criada antes mesmo do personagem e pertencia a outro querido astro dos desenhos animados no inicio de sua carreira, o coelho Happy Rabbit da Warner Bros, que mais tarde evoluiu para o Pernalonga.

No Brasil, o Pica-Pau ganhou voz, através dos dubladores Olney Cazarré, Garcia Júnior, Marco Antônio Costa e Peterson Adriano.

 

 

 

Popeye

Popeye

O desenho acompanha a vida de um marujo caolho, que fuma caximbo e adquiri força extraordinária após consumir espinafre, ainda possuí uma namorada Olivia Palito e um rival que sempre deseja roubar sua namorada.

Curiosidades

Sendo produzido de 1933 até 1988 por diferentes produtoras.

Originalmente a força não vinha do espinafre, para se tornar forte o marinheiro tinha de esfregar as penas da sua galinha de estimação Bernice the Whiffle Hen. O espinafre só foi usado em 1932.

Durante a Segunda Guerra Mundial, os desenhos animados do Popeye atingiram um novo patamar de popularidade e eram regularmente usados ​​para aumentar a moral dos Estados Unidos. Muitos dos desenhos do Popeye durante os anos de guerra foram incrivelmente ofensivos racialmente com os japoneses.

Foi durante os anos de guerra que Popeye deixou de usar sua roupa preta e passou a se vestir inteiramente de branco.

O personagem Popeye foi inspirado em um homem que Elzie Segar conhecia chamado Frank “Rocky” Fiegel. Aposentado, Frank era pago para manter limpo o bar local. Vivia com o olho direito meio fechado, fumava cachimbo e gostava de contar aventuras imaginárias, gabando-se das proezas de sua força física, garantindo que nunca tinha perdido uma briga.

 

Pernalonga

pernalonga

Um coelho muito esperto que acaba sempre se dando bem e aproveitando-se de seus amigos e inimigos, tendo como companheiro mais frequente Patolino.

Sua história começou em 1940, sendo o principal personagem da franquia Looney Tunnes. Possuí mais de 160 curtas metragens, além de estrela na calçada da fama em Hollywood.

Curiosidades

Em 2002, foi eleito o melhor personagem dos desenhos animados de todos os tempos pela revista americana TV Guide.

Ironicamente, Mel Blanc, o dublador original do coelho mais famoso do mundo era alérgico a cenouras. O cara era muito bom, ele também fazia a voz de personagens como Patolino, Frajola, Gaguinho, Ligeirinho, Capitão Caverna, Piu-Piu, entre outros. Seu apelido era “O homem de mil vozes”. Ele faleceu em 10 de julho de 1989.

evolução do pernalonga

Os responsáveis pelo Pernalonga divergiam sobre o fato dele ser uma lebre ou um coelho. A dúvida nunca foi esclarecida, pois ele possui características de lebre e de coelho.

A forma como o coelho (ou a lebre) mastiga a cenoura foi inspirada no personagem de Clark Gable no filme Aconteceu Naquela Noite, de 1934.

 

Sabiam dessas informações? Quais desenhos vocês assistiam nesse período, comentem aí?

 

 

 

DUBLADORES MAIS INFLUENTES DA MINHA INFÂNCIA

E ai galera, tudo bem com vocês?

Orlando Drummond

Orlando drummond

Orlando Drummond Cardoso (São Paulo, 18 de outubro de 1919)

Além de ter dado vida ao personagem Seu Peru na Escolinha do Professor Raimundo. Iniciando sua carreira como dublador em 1954 no filme o Rei em Movimento. Sendo o dublador do Scooby-Doo, Alf, O Vingador entre muitos outros.

Garcia Junior

Garcia Junior

Manoel Garcia Júnior (São Paulo, 2 de março de 1967)

Iniciou seu trabalho de dublagem em 1977 dando voz ao Pica-pau (como substituto), seus principais trabalhos foram o He-Man, Pato Donald, Simba entre muitos outros.

Guilherme Briggs

guilherme-briggs

Guilherme Briggs (Rio de Janeiro, 25 de julho de 1970)

Seu primeiro trabalho fixo foi em  Jornada nas Estrelas: A Nova Geração em 1991 e Eek! The Cat seu primeiro desenho. Suas dublagens mais conhecidas são Freakazoid, Buzz Lightyear, Optimus Prime entre muitos outros.

Marco Ribeiro

Marco Ribeiro

Marco Ribeiro (Rio de Janeiro, 22 de agosto de 1970)

Seu primeiro trabalho de destaque foi em Yu Yu Hakushô como Yusuke Urameshi e criou alguns bordões famosos até hoje. Suas dublagens mais famosas são o Máskara, Rafael das Tartarugas Ninja, Woody e muitos atores famosos como Robert Downey Jr, Tom Hanks, Jim Carey entre outros.

Wendel Bezerra

Wendel Bezerra

Wendel Luís Bezerra da Silva (São Paulo, 18 de Junho de 1974)

Iniciou sua carreira a os quatro anos dublando o filho do protagonista na novela Estranho Poder, logo após dublou o personagem Jayme na série Super Vicky. Seus principais trabalhos são Goku, Bob Esponja, Jackie Chan, além de dublar Leonardo DiCaprio, Edward Norton e Robert Pattinson entre tantos outros.

Conheciam esse dubladores que muito fizeram e ainda fazem parte das nossa vidas?

ESPECIAL CAVALEIROS DO ZODIÁCO

E aí galera, tudo bem com vocês?

CDZ

Nesse post especial vou falar de Cavaleiros do Zodíaco, que sem duvida alguma foi a primeira série que me prendeu na televisão, lembro que no seu auge a finada Rede Manchete exibia em dois turnos a animação e alguns momentos, ainda utilizou horários nobres, tanto foi o sucesso alcançado. As brincadeiras da escola, a conversa com os amigos, reuniões de família e tudo o que envolvia a infância naquele período era lembrado e muito discutido. Outra referência muito importante da época foram as revistas Herói, que contavam muitas histórias e curiosidades da animação, além de outros desenhos e séries do momento. Acredito que por se tratar de um desenho de ação (bastante sangue e violência) com referências da cultura grega, que até aquele momento nunca havia sido explorado, tenham conquistado tantos fãs em todo o mundo.

 

Um pouco da história

A história acompanha cinco guerreiros místicos denominados “Cavaleiros”  que lutam vestindo Armaduras Sagradas, derivando dos desenhos das várias constelações, as quais os personagens adotam como seus destinados símbolos protetores. Esses cavaleiros juraram defender a reencarnação da deusa grega Atena (Saori) em sua batalha contra outros deuses que querem dominar a Terra.

Tanto o mangá principal quanto a adaptação do anime fizeram muito sucesso em vários países europeus e latino-americanos, como França, Itália, Espanha, Portugal, México, República Dominicana, Peru, Argentina, Colômbia, Equador, Chile e Brasil. Quatro filmes foram mostrados nos cinemas japoneses em 1987-1989. O anime foi cancelado e ficou inacabado em 1989, deixando uma saga do mangá sem animação. No entanto, em 2002, a Toei Animation continuou o anime na forma de três séries de OVA (a última acabou em 2008), a fim de adaptar os arcos restantes do mangá, acompanhando este renascimento da franquia, um quinto filme foi exibido em 2004. Um sexto filme (que é em CGI) estreou no Japão no dia 21 de Junho de 2014, e teve sua estreia nos cinemas do Brasil em 11 de Setembro de 2014.

 

Algumas curiosidades

Quando Masami Kurumada estava no processo de criação do mangá, o nome do cavaleiro de pégaso seria Rin, e o título “Ginga no Rin” (Rin da Galáxia). Depois Kurumada mudou o nome do personagem para Seiya, por julgá-lo mais adequado, isto porque em kanji, Seiya significa “flecha estelar” (uma referência à constelação de sagitário, signo de Seiya e do próprio Kurumada). Finalmente, o título foi mudado para Saint Seiya porque os defensores de Atena seriam chamados de “santos cavaleiros.

 

No Brasil, o lançamento da série em 1994 foi responsável por mudar a maneira que o público assistia animes, desencadeando uma “anime-mania”. Em outros países latino-americanos (como por exemplo, no México e na Argentina) o sucesso também foi grande. Tanto o anime quanto o mangá foram lançados na China, Hong Kong e Taiwan nos anos 90, dando início à adoração da animação japonesa e do mangá nesses países.
A ideia de utilizar mitologia como pano de fundo serviu de inspiração para outros animes como Samurai Warriors e Shurato.

Pode afirmar-se que a série deu contribuições especiais no desenvolvimento da cultura japonesa de mangás e animes. É a mais importante e antiga origem para Doujinshi junto com Captain Tsubasa, que acabou crescendo numa subcultura periférica significativa de anime e mangá. Os grupos Doujinshi têm atualmente um grande número de membros no Leste Asiático, América do Sul e Oeste Europeu.

 

 

Apesar de ser baseada na mitologia dos zodíacos, a série apresenta elementos de diversas outras mitologias e Religiões. Essa mistura é explicada pelo Hipermito (uma teoria com informações sobre o enredo da série, lançado em 1988 com o objetivo de explicar dúvidas deixadas pelo anime e pelo mangá).

 

Os Cavaleiros de Ouro vêm de várias localidades espalhadas pelo mundo inteiro. E como representante brasileiro dentre os guerreiros dourados, temos o Cavaleiro de Touro, Aldebaran.  Talvez isso venha a explicar o “jeitinho” que ele deu pra deixar Seiya e seus amigos prosseguirem.

 

Uma coisa que sempre foi um tanto quanto surreal em Cavaleiros do Zodíaco, foi a retratação da idade dos Cavaleiros. Não somente é bizarro que os Cavaleiros de Bronze tenham em média 13 anos, de acordo com a matemática, como quando Shura, de Capricórnio, assassinou Aioros, o Cavaleiro tinha apenas 10 anos de idade.

 

Já faz algum tempo que nós sabemos que, na verdade, teríamos uma 13ª armadura de ouro no anime de Next Dimension, o Cavaleiro de “Serpentário”, Odisseu de Ofiúco.

 

Um detalhe que muita gente não sabe é que Ikki foi o único Cavaleiro de Bronze que conseguiu ampliar seu Cosmos ao ponto de usar a Armadura de Fênix. Nem antes, nem depois dele, existiu outro cavaleiro com essa capacidade.

 

Conta a lenda que o rei do pop Michael Jackson era tão fã da série que as armaduras dos cavaleiros serviram de inspiração para a tour do cantor “World History”.

 

O diretor fracês do remake “Fúria de Titãs” (2010), Louis Leterrier, se declarou fanático do desenho e confessou que as armaduras utilizadas no filme foram inspiradas na série japonesa como uma forma de homenagem.

 

Eles viraram mania nacional e durante os dois primeiros anos manteve uma audiência média na casa dos 16 pontos, garantindo o segundo lugar isolado de audiência nas suas duas exibições diárias. A série ia ao ar pela manhã, dentro do Dudalegria e era reprisada no final da tarde, no Clube da Criança. Com a extinção desses dois programas, manteve seus horários originais, mas como um programa solo na grade de programação. Ia ao ar às 10h15 e 18h15, cada seção com 45 minutos de duração.

 

Então galera, lembravam ou já conheciam essas informações?

 

 

 

 

SEGREDOS DO CINEMA: JORNADA DO HERÓI

E ai galera, tudo bem com vocês?

Jornada-do-Heroi

Nesse post vou falar um pouco de como acontece a formação de uma história, podendo ser retratada em filmes, livros, séries e novelas.

A jornada do herói é uma concepção presente em narrativas mitológicas. Quem difundiu o conceito foi o antropólogo Joseph Campbell, grande pesquisador da escrita, que possibilitou o entendimento desse tipo de narrativa.

E precisa ficar bem claro, que nem sempre é seguido esse modelo de forma linear ou até mesmo todas as suas etapas.

Existem muitos exemplos clássicos desse tipo de história:

  • Matrix
  • Senhor dos Anéis
  • Avatar
  • Star Wars

Abaixo estão basicamente os doze passos da jornada:

Mundo comum – É o ambiente que o personagem ou herói conhece bem, a zona de conforto.

O chamado da aventura – É o ponto quando o herói se dá conta de que as coisas à sua volta vão mudar.

Recusa do chamado – O personagem recusa ou demora a aceitar o desafio ou aventura.

Palavra do mentor – É quando o herói encontra o mentor, que o convence a aceitar o chamado e passa a ser o responsável pelo desenvolvimento de suas habilidades.

Travessia do limiar – Ponto no qual a pessoa deixa os limites conhecidos de seu mundo e se aventura em um ambiente novo, desconhecido e perigoso.

Aliados e inimigos – Quando entra no novo mundo, o herói enfrenta testes, encontra aliados e enfrenta inimigos. Assim, ele aprende as regras desse ambiente.

Fronteira de perigo – O herói tem êxito nas provações e segue a jornada. Ele chega, então, a outra fronteira. Um lugar mais perigoso, onde está o objeto de sua busca.

Provação difícil – A maior situação de crise da aventura. É o momento de maior tensão, que pode pôr tudo a perder ou definir o êxito da jornada do herói.

Recompensa ou elixir – O herói enfrentou seu maior desafio, se sobrepôs ao seu medo e obtém uma recompensa.

O caminho de volta– O caminho de volta é onde começa o terceiro ato da trajetória. O herói ainda está no mundo novo e corre perigo.

Ressurreição do herói– Outro teste no qual o herói enfrenta a morte e deve usar tudo que foi aprendido.

Regresso com o elixir– A volta para o ambiente original. Metáfora para o líder que aprendeu algo novo e agora tem a chance de dividir o seu conhecimento.

Já tinham conhecimento desse tipo de narrativa das histórias, comentem aí!

PRIMEIRO FILME COLORIDO DA HISTÓRIA

E ai galera, tudo bem com vocês?

Becky Sharp

O primeiro filme colorido na história do cinema, data de 1935, quarenta anos depois da invenção dos irmãos Lumière, e mesmo assim o seu technicolor só continha três cores. “Becky Sharp” foi uma produção ousada da emergente RKO, com direção de Rouben Mamoulien e Miriam Hopkins no papel principal. Baseado no famoso romance “Vanity Fair” de Thackeray, tratava dessa moça ambiciosa que queria subir na sociedade a todo custo, uma história que passava-se em ambientes internos, assim não necessitando colorir cenas exteriores, pois na época ainda era muito difícil.

Já conheciam esse filme?