SEGREDOS DO CINEMA: POR QUÊ O 3D NÃO FAZ SUCESSO NOS CINEMAS?

E ai galera, tudo bem com vocês?

Avatar 1

História

Essa tecnologia que hoje é amplamente conhecida e muito utilizada no cinema, tem uma longa história. No século XIX foi patenteada, mas somente em 1922 aconteceu a primeira produção. The power of Love foi um filme mudo, preto e branco que não impressionou o público, tendo sido exibido apenas duas vezes em 3D.

Em 1952, o filme Bwana Devil estreou sendo amplamente rejeitado pela critica, mas o público em geral gostou da ideia de ver filmes em 3D. Em 1953 os estúdios Walt Disney lançavam o primeira desenho animado em 3D, Melody.

Apesar do relativo sucesso inicial, as pessoas com o tempo passaram a rejeitar a tecnologia, já que ela costumava ter o valor mais alto que o normal e causavam frequentes enjoos em seus espectadores.

Nos anos 80 alguns projetos envolvendo a tecnologia IMAX (Filmes gravados em 70mm), Disney e Michael Jackson iniciaram uma nova era do 3D. Mas apenas em 2004 com The Express Polar, que atingiu números expressivos nas bilheterias que os grandes estúdios passaram a investir pesado. Em 2006 o filme Superman Returns foi totalmente gravado em 2D e transformado em 3D na pós produção e isso realmente iniciou essa nova fase.

James Cameron que no passado já havia produzido um especial para Terminator 2: Judgment Day para os parques da Disney, colocou o projeto Avatar em pratica, já que nessa altura acreditou que era possível produzir todas as características para essa produção. E sem duvida alguma ele atingiu o sucesso, sendo o primeiro filme a atingir a marca de 2 bilhões nos cinemas.

Produções bem sucedidas

Nesses quase dez anos de utilização do 3D nas produções, existem algumas produções que realmente foram produzidas com esse tipo de tecnologia, a seguir uma lista deles:

  • Avatar
  • Hugo (A invenção de Hugo Cabret)
  • Hobbit
  • Resident Evil Retribution
  • Life of Pi (As Aventuras de Pi)
  • Ready Player One (Jogador número 1)

Mas na grande maioria das vezes, a tecnologia é colocada apenas na pós produção e dessa forma poucas cenas são vistas. Assim como no passado essa tecnologia envolve custos maiores nas salas de cinema, para os espectadores que na maioria das vezes precisa desembolsar o dobro do valor nos ingressos e para os cinemas que precisam adquirir os óculos responsáveis, além da higienização e embalagem necessários a cada exibição.

Dessa maneira, a grande população acaba preferindo assistir o filme em 2D e essa opção se realmente fosse bem utilizada iria melhorar muito a qualidade dos filmes, tornou-se apenas um problema.

Alguém aí assistiu mais algum filme que utilizou o 3D muito bem?

4 comentários em “SEGREDOS DO CINEMA: POR QUÊ O 3D NÃO FAZ SUCESSO NOS CINEMAS?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: